Numa mesma estrada...caminhares!

terça-feira, 13 de abril de 2010

A um Dama mal comportada dessa…eu brindo!

“(…)prostituo a escrita
masturbando egos
pelos becos do verso
e bebo todas
pra esquecer os erros
que, ato contínuo, vomito
via meus dedos
[não nego que quando escrevo
-· deito e rola]”

Valéria Tarelho

OgAAAHr1je0WLmHtISa-AEAQmsnAIOBiPm3F2JcWBOHoPJcAeawEmHaUPJN6vIep9bZv0rE9e22iJnYRbPbPXNo8jYIAm1T1UL6SiPCaEG6pC36-5LgSFzTS5hFR

Devir,

Tu és a personificação do que intensifica, extravasa, explode, extrapola...de tudo que vai no além mais....

Menina das palavras que instigam...mulher de fogo.
És na chama o que arde!

...Erikah Azzevedo...

6 comentários:

  1. Devir.
    De suavidade jamais pretérita,trazes dos Quilombos,até os rios e as serras,e as Casas Grandes do sul da América nas tuas frases eméritas.Bjosss...
    http://barthes-fragmentos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Esbanjas doçura em palavras ! Beijos, poeta !

    ResponderExcluir
  3. Saúdo a mulher intensa, humana, forte, sensível, sensual, atraente, surpreendente, impulsiva, santa, puta, humana. Nada melhor do que uma mulher que sabe viver o que quer. Saúdo Devir!

    ResponderExcluir
  4. "Devir é uma mulher que nos faz caminhar sempre na linha tênue da fantasia com a realidade. Encanto, sensualidade, magia e sedução são as armas desse fenômeno fantástico que é Devir. Porém, de nada isso teria valia, se não houvesse ali, uma mulher de caráter ímpar, personalidade forte, marcante e dona de uma inteligência acima da média. Se Devir fosse apenas pés deliciosos e um corpo bonito, seria só mais uma e nada além disso.

    Algumas chegam, tem um brilho rápido, de algumas horas, dias e até meses, Devir, entretanto, é uma mulher que permanece e se mantém. Sua criatividade e sensualidade fazem de seus ensaios referências. Não se mede a beleza e a criatividade de um post, de uma idéia, pela presença no dia em que a mesma foi postada, mas sim, pelo número frases parecidas que depois que as de Devir são postadas, aparecem em outros perfis.

    Devir nos faz sonhar acordado, nos faz sempre pensar que é possível fazer mais e melhor. Mulher que não deixa desistir, por acreditar que tudo é possível, por mais difícil que se possa parecer. Uma rocha impenetrável? À primeira vista sim, essa é a melhor visão dessa mulher espetacular. Todavia, quem tem o prazer de desfrutar de sua amizade, carinho e intimidade, percebe que até na rocha nascem flores, porque Devir é um presente enorme da vida de quem a conhece. Seu jeito único de ser, nos faz sempre acreditar que tudo pode acontecer. Por isso, nunca me canso de agradecer: Devir, obrigado por me fazer sonhar!"

    Beijos insanos, profanos e impuros...

    ResponderExcluir
  5. Luis " Un.know.ing " eclampsia.neural@hotmail.com19 de abril de 2010 17:26

    "Moment One..." O fato de ser ou não "perturbadora" as ações peturbadoras por si só.... entram em total colápso em contato aos devaneios " uterinos pós-extase" gritantes" Devir Devessa, Devaneios, Delírios, Desejosa... Duabilidade, Dúvida e Dívida de não poder ficar mais um pouco à devanear essa noite!!!! São tantas setas com um sentido em comum, incomum ao olhos "com vidraças sujas" aos meus límpidos e "constantemente avermelhados" soam como líricos acordes da catedral gótica, incansavelmente "Insistem em me chamar, e continuam a me chamar. O inusitado é sempre saber que o inusitado é muito pouco, depois da próxima linha de pensamento, assim é minha "devassa" preferida, Woher kommst Du? Beijo.

    ResponderExcluir
  6. A Escolha do texto foi proposital !!
    Mas vim deixar meu beijo de Boa Noite
    Meu carinho intenso a vc
    E a re afirmação que extrapola tudo;

    " Somos na chama o que arde!

    Beijos de Amora na minha doce Amora

    ResponderExcluir

Palavreia aqui você também!
Faça-se palavra!