Numa mesma estrada...caminhares!

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Por entre vôos....



Do que me prende a terra,
desfaço o laço
e me afasto
Por que não sou de chão
...só de pássaros.

De asas nos pés
Acerto o compasso
Apresso o passo
E leve sigo
Por que sou de plumas,
De levitares
e de suspiros

Em brisas ou furações
eu sou de ventos
E sou de vôos
num rasgar de céus azuis

E quando asas me faltarem,
serei de quedas

...ainda que abismais.

...Erikah Azzevedo....


.
.
.

Nem o viver discreto impedirá a torrente de almas
que me rasgam de fora para dentro
o limite de céu que trago no peito.

( Fernando Ribeiro)


O meu poema surgiu de um comentário ao poema do Assis Freitas(clicar no nome do Assis caso queira ler o poema em questão, eu recomendo, vale a pena)

40 comentários:

  1. Do que me prende a terra,
    desfaço o laço
    e me afasto
    Por que não sou de chão
    ...só de pássaros.

    De asas nos pés
    Acerto o compasso
    Apresso o passo
    E leve sigo
    Por que sou de plumas,
    De levitares
    e de suspiros

    Em brisas ou furações
    eu sou de ventos
    E sou de vôos
    num rasgar de céus azuis

    E quando asas me faltarem,
    serei de quedas

    ...ainda que abismais.

    …Erikah Azzevedo…

    ResponderExcluir
  2. sou só de pássaros e quedas e asas, poema bonito


    beijo

    ResponderExcluir
  3. Que coisa mais linda, Erikah querida!

    Que os caminhos por andares sejam pistas de decolagem e que os teus voos sejam leves! Voe...

    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. vim agradecer a referência e a deferência,

    beijos

    ResponderExcluir
  5. Encantador, poeta amiga ! Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Ando tão "chão" ultimamente...Me leva para um voo com os pássaros?

    Leva?

    =**

    ℓυηα

    ResponderExcluir
  7. OE minha luna , levo sim , voar contigo seria mais que sonho viu! rsrsrs.. e tu já és lua, né...moradora de ´céus...hehehe
    Bjos linda.

    Erikah

    ResponderExcluir
  8. Minha Jujuba, a certeza que tenho, é que consegues me prender aqui no seu palavrear...
    Te amo, daqui até o teto da rua!!!
    Mil beijinhos, com carinho!

    ResponderExcluir
  9. Meu blog mudou de endereço, o novo é:
    http://vemcaluisa.blogspot.com/
    :)

    ResponderExcluir
  10. Do que me prende a terra,
    desfaço o laço
    e me afasto
    Por que não sou de chão
    ...só de pássaros.



    Nossa, isso foi tão tão livre!


    Não arreda essas asas... Nunca!

    Te beijo!

    ResponderExcluir
  11. El único límite, es el que tu pongas a tus sueños... despliega tus alas... vuela...

    Lindo jueves... besos

    Chipato

    ResponderExcluir
  12. ** O Abismo me tenta, me seduz.. mas,


    "eu sou de ventos
    E sou de vôos"


    - Quem puder que me alcance...

    beijoo meu'

    ResponderExcluir
  13. Poxa Erik, Adorei seu blog... tão intenso...

    Já estou seguindo!

    Abraço-te com carinho...

    ResponderExcluir
  14. Amora.... que lindaaa! Nem preciso comentar nada a respeito deste texto né? Um dos mais lindos que voce escreveu ate hoje, e eu, toda orgulhosa, estava "presente" quando ele "nasceu" rsrs


    De asas nos pés
    Acerto o compasso
    Apresso o passo
    E leve sigo
    Por que sou de plumas,
    De levitares
    e de suspiros


    MARAVILHOSA!!!!

    Amo-te amiga!!

    ResponderExcluir
  15. Muito lindo seu post, como tb o seu blog.

    Dando uma volta pela blogsfera cheguei até aqui.

    Fica aqui o convite para conhecer o meu blog, será um prazer te ver Pelos Caminhos da Vida.

    Um abraço primavreil.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  16. Oi minha amiga ErikaH, ai quem me dera ser de pássaros...alçar lindos voos, não me sentir tão presa a terra.
    Houve um tempo em que eu me sentia assim, livre, leve, solta...sem amarras, e voava de encontro ao infinito.
    Hoje me sinto presa, com medo, e isso é tão triste.

    Te ler, mexeu comigo por demais.

    Beijos ternos no teu ♥

    ResponderExcluir
  17. Oi ......, beleza?? Esta é uma canção que fiz com um poema meu que inclusive, está no meu livro. Aviso que sou péssimo intérprete, mas vale dar uma passada para conhecer. O link é http://lenjob.blogspot.com/2010/06/renascer.html.Aguardo sua opinião. Beijos!!!!

    João Lenjob.

    ResponderExcluir
  18. Tão bom sentir-se assim...

    voe sempre e cada vez mais alto!

    bjinhus...

    ResponderExcluir
  19. Como diria Clarice Lispector: "Tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.
    Você pode até me empurrar de um penhasco q eu vou dizer: - E daí? EU ADORO VOAR!"
    Bjss e òtimo fds!!!

    ResponderExcluir
  20. Lindo d++++++++++++++++++++++++++++
    Amora.....
    Vc a gente voar mesmo...
    esse seu palavrear
    te amo
    Bjs

    ResponderExcluir
  21. ... só de pássaros...
    plumas, levitares e suspiros
    ... de ventos, de voos
    num rasgar azul...
    ... também de quedas
    das mais dolorosas!

    És tu a beleza, moça!!!
    Senti a tua falta, mas é bom quando voltas...
    .... sempre a explodir...

    Amei!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  22. Gostei intensamente do poema!D+!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  23. Que Lindo Érikah!

    é nuito bom navegar aqui...
    ler ,reler 'imaginar'

    'Eu sou de vôos'

    Beijos

    ResponderExcluir
  24. Não consigo tocar os pés no chão mas, preciso!


    Fiquei um tempinho distante mas voltei! rs

    Um beijo no seu coração que é lindo, lindo, lindo!

    ResponderExcluir
  25. Cada vez mais gosto de estar aqui, te ler é fazer carinho pro meu coração. Bjs querida.

    ResponderExcluir
  26. Erikah, senti-me tão pássaro e chão; raiz e céu, envolvida aqui em seu poema, mais um que me eleva de qualquer lugar onde eu esteja, um poema móvel, dinâmico que não me permite viver nada de estático, voei com ele!
    Vou olhar o link que me enviastes e já vou cheia de referências: as suas!

    Deixo-te beijo, carinho e agradecimento pela sua sempre delicada e querida visita ao Canto.

    Smack!

    ;)

    ResponderExcluir
  27. .

    Amorinha... saudades de estar por aqui.

    ... e voaremos in_tensa_mente.

    Embora que, como as asas de Ícaro, derretam-se as nossas.

    Vale a queda se o voo for intenso... imenso.

    Te beijo com carinho

    .
    .

    ResponderExcluir
  28. porque não dá pra tocar o céu com os pés no chão, tem que sonhar e sonhar muito, não pouco, assim a gente colhe os sonhos direto do pé.

    Lindo Erikáh...guardei pra mim, pode?

    Beijos menina flor!

    ResponderExcluir
  29. Que delícia ler você. Sou feita de asas também, mas não gosto de abismos e nem queda livre.


    beijos

    ResponderExcluir
  30. Lindo Erika como sempre! saudades...

    beijo grande !!

    ResponderExcluir
  31. Combinado, pequena : vamos voar! \o/

    Beijo, beijo!

    ℓυηα

    ResponderExcluir
  32. Bom dia

    Cumprimente as pessoas.
    Isso se chama AMIZADE!!
    Deseje a cada um o melhor .
    Isso se chama SINCERIDADE !!
    Programe o seu dia, a sua semana.
    Isso se chama AÇÃO!
    Acredite que tudo dará certo.
    Isso se chama FÉ!!
    Faça tudo com alegria.
    Isso se chama ENTUSIASMO!!
    Dê o melhor de si.
    Isso se chama PERFEIÇÃO!!
    Ajude a quem precisa.
    Isso se chama DOAÇÃO !!
    Compreenda que nem todos são como você
    Isso se chama TOLERÂNCIA!!
    Receba as benções com gratidão.
    Isso se chama HUMILDADE!!
    Essa é uma fórmula infalível que vai ajudar a sua semana a ser mais feliz.
    Uma ótima semana para você !!

    beijooo.

    ResponderExcluir
  33. Mesmo que aconteça a queda,você saberá aterrisar!

    Beijo amada do meu coração...

    ResponderExcluir
  34. Voar, voar. Subir, subir. Livre, leve e solta.

    BeijooO*

    ResponderExcluir
  35. ENCANTADOOOO!!!AQUI REALMENTE É O PARAÍSO DO AMOR...TODA VEZ QUE VENHO AQUI NO SEU CANTINHO EU SAIO DESLUMBRADO COM TANTA BELEZA...OS SEUS TEXTOS SEM COMENTÁRIOS...MARAVILHOSOS!!!SUAS IMAGENS BELÍSSIMAS!!!PARABÉNS MINHA LINDA POETISA...POR NOS PRESENTEAR COM SUA SENSIBILIDADE DE MENINA... E COM CABEÇA DE MULHER!!BEIJOS QUERIDAAA!!

    ResponderExcluir
  36. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  37. a.bis.mais

    destas tuas palavras precisarei me alimentar mais vezes, Erikah, eu peço bis. Que lindo o poema!

    ResponderExcluir

Palavreia aqui você também!
Faça-se palavra!